Destinos Incríveis

Dicas de Viagem

Experiências incríveis na Guatemala

Experiências incríveis na Guatemala

para colocar no roteiro de viagem

A Guatemala nos surpreendeu muito e se tornou o nosso país preferido de toda a América Central. Nós acabamos passando mais de 5 meses vivendo por lá, fizemos bons amigos e conhecemos grande parte do país. Confira abaixo dicas de experiências incríveis na Guatemala para colocar no roteiro da sua viagem!  

1. Escalar o Vulcão Acatenango

Foto: Dia amanhecendo no topo do vulcão Acatenango no nosso acampamento
Escalar e acampar no Vulcão Acatenango não foi apenas uma experiência incrível na Guatemala, mas sim a experiência mais incrível de nossas vidas! Essa aventura merece um post exclusivo e nós contamos tudo que vivemos aqui.  

2. Caminhar em lava petrificada no Pacaya

Foto: Ale caminhando pela lava petrificada
O Vulcão Pacaya é bastante ativo e há constantemente rios de lava escorrendo do seu cume. É possível observar de perto essa lava, e para chegar até ela é preciso percorrer uma trilha caminhando em lava petrificada.   Para percorrer essa trilha é preciso um guia, pois apesar de não parecer, é uma atividade extremamente perigosa e arriscada. O trajeto dos rios de lava mudam constantemente e sem um guia você pode se arriscar a pisar em um local com lava ainda em estado pastoso. As pedras não são uniformes, em sua maior parte são pontiagudas e uma queda pode machucar bastante. Tendo tudo isso em conta, é uma experiência única! Olhar para aquele vulcão imponente, tão perto, enquanto caminhamos naquela trilha difícil, era adrenalina pura. Muito diferente da experiência de subir o Vulcão Acatenango.

Foto: Lava incandescente descendo do vulcão Pacaya por @mundi360
 

3. Acampar em frente ao Lago Atitlán

Foto: Acampando em frente aos vulcões do Lago Atitlán
  O Lago Atitlán é um dos lugares mais charmosos de toda a Guatemala. Ele está cercado de 3 imponentes vulcões – Tolimán, Atitlán e San Pedro, além de dezenas de pequenos povoados, que são conectados por rotas de barcos que navegam ao longo de todo o dia movimentando pessoas e mercadorias. Logo que chegamos por lá fomos impactados pela sua grandeza. É impossível sentar-se de frente a esse lago e não se admirar. Suas águas que quase sempre estão calmas refletem os enormes vulcões e proporcionam lindas cores no pôr do sol.
 
Existem diversas atrações turísticas ao redor do lago, como pular de parapente, fazer tours completos por entre povoados e até mesmo subir os vulcões em uma longa trilha. Para nós, o melhor programa foi aproveitar a natureza e a tranquilidade do acampamento que montamos em frente ao lago, fazer uma fogueira e tocar violão. Víamos o dia cair e ele nascer. A simplicidade desses momentos ficaram marcados profundamente na nossa memória.  

4. Caminhar pelas ruas de Antigua Guatemala

A cidade de Antigua é muito especial. Suas ruas foram construídas no período colonial, sendo ainda de pedra, e seus edifícios históricos ganham um brilho especial com todas as montanhas e vulcões que os cercam. Quando chegamos lá foi amor à primeira vista e fizemos dessa cidade nossa casa por mais de 2 meses. Caminhar ali a qualquer hora do dia é delicioso, sempre se descobre um novo café ou um novo ângulo para admirar os vulcões da região.

Foto: Impressionante vista da cidade de Antigua, do alto do cerro de La Cruz por @mundi360
Subir até o cerro de La Cruz é uma boa pedida. Trata-se de uma caminhada de baixo esforço que proporciona uma linda vista da cidade. Entre outros programas que se tornaram nossos favoritos está fazer compras no mercadão da cidade, ver o sol nascer da Calle del Arco e caminhar sem rota definida ao redor de todo o centro histórico.

Dica extra: Quando passar por Antigua, faça uma visita ao @elhatoverde. É uma área de preservação ambiental que se tornou um restaurante super integrado com a natureza. Um lugar lindo, com vistas incríveis em meio às montanhas.

Foto: Ale em frente à rede conhecida como “malla maya”, um dos lugares icônicos do Hato Verde

5. Pôr do sol da Ilha de Flores

  A Ilha de Flores é parte de uma região muito especial da Guatemala. Essa zona é habitada desde a época dos Maias e hoje serve como ponto de parada para os turistas que se dirigem aos sítios arqueológicos. A ilha é muito pequena, conta com ruas estreitas e fluxo de veículos limitado. O bom mesmo é caminhar a pé por lá – é possível percorrer todas as ruas da ilha caminhando em poucas horas.

Foto: Pôr do sol da ilha de flores, visto de San Miguel por @mundi360
Para ter uma vista privilegiada do lago que a cerca e do fluxo de barcos que levam e trazem pessoas para a ilha é só ir até um dos povoados que a cercam. Nós passamos a noite de réveillon de 2020 para 2021 no pueblo de San Miguel, e de lá vimos o lindo pôr do sol do último dia do ano de 2020.  

6. Explorar as ruínas de Tikal

  Tikal é uma das maiores e mais conhecidas cidades Maias do passado. Acredita-se que ela foi habitada até o ano de 850 D.C. e logo em seguida foi abandonada. O Parque Nacional de Tikal conta com diversas trilhas em meio a floresta tropical da América Central, que é extremamente úmida e quente, mas que faz cada gota de suor valer a pena.

Foto: Ale e Léo na plaza principal de Tikal
Existem inúmeras ruínas dentro do parque que estão super conservadas e surpreendem por seu tamanho e imponência. Nós chegamos em Tikal pela manhã e fomos embora no final da tarde, um dia inteiro de caminhada, intercalado com paradas para descansar pelos grandes jardins e áreas verdes que o parque possui. Sem dúvidas um dos pontos altos da Guatemala que guardamos com muito carinho.  

7. Descansar em El Remate

  El Remate é um pequeno povoado na beira do lago Petén Itzá, cerca da região de Tikal. O lago tem águas muito limpas e claras, e ao redor dele foram se instalando palapas, hotéis e restaurantes que oferecem ao público acesso para mergulhar e curtir a região. Nós paramos por ali voltando de Tikal e o que era para ser apenas uma noite de descanso se tornou 4.

Foto: Léo saltando no lago de Petén
A Guatemala nos proporcionou experiências únicas e não temos dúvidas de que é um destino que se irá se tornar especial para você também! :) Quer conhecer outros destinos que passamos pela América Central? Clique aqui.
 

Se você gosta do MUNDI360, confira abaixo como apoiar o nosso trabalho e seguir incentivando a produção de conteúdo:

♥ Airbnb

Você já experimentou alugar uma casa pelo Airbnb? Viver alguma experiência com algum local? Usando o nosso link você ganha até R$ 179,00 na sua primeira reserva e nos ajuda com uma comissão! Clique aqui.

⭑ Loja Mundi360

Quer planejar uma viagem e não sabe como? Tem vontade de dar uma volta ao mundo? Quer dicas sobre a América do Sul? Quer se inspirar? Conheça nossa loja, nosso livro e produtos digitais.

Boas viagens!

Ale e Léo | @mundi360